segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Dicas de Mobilidade para cadeirante


Dando continuidade as dicas agora de Mobilidade para Cadeirante


Lidar com pessoas deficientes parece uma tarefa difícil, pois na maioria das vezes não sabemos como reagir quando nos deparamos com algo ou alguém diferente de nós, até mesmo para o diálogo, encontramos limitações e constrangimentos. O primeiro passo é compreender que não há nada de anormal entre as pessoas, por dádiva de Deus todo o ser humano é diferente, pois cada um é único, até mesmo os gêmeos são distintos.

Auxilio a mobilidades para cadeirante:

· A cadeira de rodas faz parte de seu corpo, por isso esta passa a ser respeitada e muda seu contexto de simples objeto para integração corporal. Ofereça ajuda antes de “tocar na pessoa” se ela precisar irá orientar o que fazer.

· Sem constrangimento utilize as palavras: caminhar e correr. (Afinal não se anda somente com pernas, mas também sobre rodas, a dinâmica do agir é a mesma).

· Olhos nos olhos – É muito desconfortável para o cadeirante ficar conversado e olhando para cima, o ideal é manter uma proporção então se sente para garantir um diálogo saudável.

· Prefira descer degraus ou rampas inclinados com a marcha ré da cadeira.

· Quando saírem para passeio ou evento social, certifique-se sobre as barreiras arquitetônicas do local (restaurantes, cinemas, teatros, etc.)

· Não seja inconveniente e oriente também as crianças a não brincar com a cadeira de rodas, nem fazê-la de carro de Fórmula 1.